UM OLHAR SOBRE O MAR

Todo olhar sobre o mar é um ruflar de asas sobre a eternidade. Cada onda tudo contém. O ontem e o para sempre quebram na praia na mesma unidade.

Nele nenhum lugar é lugar nenhum dele tudo parte e chega a algum lugar.

Tudo é presente no mar o mar é agora e arte água e lodo

até mesmo o nada o mais triste vazio o mar consentiu ser parte do todo.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

De todos os ritos de todos os ferros os que melhor nos prendem à rocha dos mitos são os os elos dos grilhões de Eros.

A vida é um punhado de átomos que a vida tomou emprestado do universo, mas logo devolve. Parece que é o tempo passando mas são só seus processos físico-químicos reagindo. Mesmo a eternidade dura pouco

Corra, corra, corra de tudo até à beira do nunca mais até chegares à fronteira do mesmo nada em que te esvais. Então salta em teu próprio abismo queda-te de joelhos, terno reza o silêncio ouro em seu